terça-feira, 2 de julho de 2013

Midnight City - Cap 37

--
Good Feelings, great sensations



POV Alicia

Você já teve algum momento em sua vida no qual você desejasse que tudo parasse? Aquele lugar especial, aquela sensação especial, aquele vento que te faz bem, aquela pessoa a qual domina seus sentidos até sufoca-la em uma grande paixão. Era exatamente o que estava acontecendo comigo. Acordar de manha com um sol brilhando mais do que o normal aos meus olhos, e o melhor de tudo. Um homem nu ao meu lado. Sorri, para a cena, Justin dormindo com sua cara de bebê com a metade de seu corpo coberta pelo o fino lençol branco, atrás uma janela onde raios de sol radiavam o lugar. Levantei meu tronco me sentando na cama, puxei o lençol para que cobrisse meus seios desnudos. Passei minha mão esquerda pelos meus cabelos desajeitados devido a nossa agitação noite passada. Pisquei meus olhos encarando aquela claridade e virei meu rosto em direção ao relógio digital do lado de minha cama. 

13:40, Como assim? Merda! Pera, nós não temos mais faculdades. Mas já está tarde, e se ele estiver cansado de ontem? Ah! Vou acorda-lo. 

- Jus. - beijei sua bochecha. Nada. - Amor. - selei seus lábios que estavam em um biquinho. Não pude deixar de sorrir. - Bebê. - acariciei seu cabelo e selei seus lábios novamente. 

- Hm. - o primeiro som foi soltado. Ele sorriu e se espreguiçou. - Bom dia estrela! - ele não parou de me chamar assim desda aquela frase que abalou todos os meus sentidos.

- Ainda não me acostumei com esse apelido. 

- Se acostume, vem cá. - era completamente impossível negar algo a aquela carinha de sono que Justin continha. 

Fui até ele, e seus lábios se juntaram aos meus. Subi em cima dele sem colar nossos corpos, por impulso. Merda, estávamos pelados. Deitei em cima dele e coloquei meu rosto em sei peitoral tendo o privilégio de ouvir seu coração bater. Olhei pra ele encarando seus olhos e me levantei ficando sentada o olhando. 

- Já quer o 1 round do dia? - ele mordeu os lábios e eu ri dele. - A não era mais de meia noite então, = ele pareceu pensar um pouco - já quer o 4 round do dia? - seu sorriso safado crescia em seu rosto.

- Justin! Para! - deitei de novo escondendo meu rubor. 

- Te amo. - sorriu ao escutar sua voz dizendo aquilo. - sabia disso? - fiz que não com a cabeça. - Não? Irei demonstrar. 

Meu corpo foi jogado para o lado, arregalei os olhos e quando vi, Justin estava em cima de mim fazendo cócegas em mim. Minha risada poderia ser ouvida da portaria de tão alta. Me contorcia toda. O sorriso perfeito que Justin continha no rosto poderia permanecer pra sempre, e era isso que eu desejava naquele momento.  E que eu sempre fosse o motivo de toda aquela alegria. Que sua felicidade me pertença, assim como a minha pertence a ele. 

[...]

- Devemos morar juntos. - Justin fez com que eu engasgasse com meu café. 

- O que? - engoli o café entalado e o olhei assustada.

- Estou falando sério. - Ele permaneceu tranquilo. - Hoje, quando acordei ao seu lado, tive certeza disso, eu quero acordar com você pra sempre.

- Justin, você tem noção do que está falando? Tipo, eu não queria abandonar isso aqui, eu amo esse lugar, vivi aqui a tanto tempo. - olhei ao meu redor.

- Merecemos algo melhor, você podia vim pra minha casa. - o encarei incrédula. 

- Não ofenda o meu bebê. - juntei minhas sobrancelhas. - Isso é um passo muito grande, vamos pensar com calma. - ele assentiu. 

- Vamos fazer o que hoje? - fiz um gesto de com as mãos dizendo que não sabia. - Vamos sair?

- Pra onde?

- Central Park. - sorri com a ideia. 

- Vamos! Piquenique?

- Sempre, com bastante doce. - ri de sua infantilidade.

- Ok, bastante doce.

[...]

A grama parecia mais verde do que o normal, as pessoas que corriam pelo o parque estavam mais felizes, do que nas outras poucas vezes que vim aqui. Por  que simplesmente o mundo parecia sorrir pra mim? Eu estava sorrindo para o mundo. Andamos mais um pouco encontrando um lugar perfeito para no estabelecermos. Estiquei a toalha quadriculada, branca e roxa, na grama e coloquei a enorme cesta em cima, me encostei na árvore que tinha ali e me sentei confortavelmente sentindo a brisa refrescando meu rosto.

Justin estava atrapalhado tirando um bicicleta a qual ele insistiu em trazer. Ria da cena dele se embolando ali. Quando fiz menção de levantar para ajuda-lo ele se ajeitou e sorriu orgulhoso de si. Se ele soubesse o quanto aquele sorriso era bonito, ele parava pra não ser estuprado por aí. Eu por exemplo, já estava me controlando para não agarra-lo ali mesmo. Espera, por que eu me controlava? Me levantei e fui até ele. A bicicleta, estava perfeitamente parada ao seu lado com o pequeno apoio de metal perto da roda. Aproximei meu rosto do de Justin e o beijei. 

- Uow! - ele sorriu se surpreendendo com minha atitude.

- Você é completamente beijável. - sorri e Justin passou suas mãos pela minha cintura abraçando a mesma. 

- Posso dizer o mesmo. - Ele me selou enquanto rodeava seu pescoço. 

[...]

- Tem noção do quanto eu esperei por um momento desse com você? - A voz de Justin me despertou fazendo desviar meu olhar do céu para ele que estava deitado ao meu lado. Estávamos cansados depois de uma volta de bicicleta por esse parque completamente incrível. 

- É? Eu sonhei tanto com isso. - desabafei. 

- Eu também. Você é minha. - ele sorriu com sua última frase.

- Não oficialmente. - eu ri 

- Como assim?

- Não teve nenhum pedido de namoro aqui. Quero coisa direita.

- Aé? - ele soou completamente divertido. Assenti. - Ok, então. 

Aquelas simples palavras me fizeram pensar em mil coisas, o que deveria significar aquilo? Ele iria aprontar algo? Voltei a olhar o céu que já estava escurecendo, as nuvens flutuavam cada vez pareciam mais rápidas. O azul brilhante dava a cor a um rosa amarelado. Peguei o último cacho de uva e comi. Me virei pra Justin observando sua expressão pensativa, aguçando minha curiosidade. 

- Amor, é melhor irmos.

- Já? - ele olhou no relógio e concordou.

Ele me ajudou aguardar tudo e novamente se atrapalhou com a bicicleta. Ri novamente acompanhando sua dificuldade em carregar o veículo. O ajudei tendo piedade daquele corpinho que tanto me divertia. Entramos no carro e voltamos ao meu lar. 

[...]

Quando o carro foi estacionado, queria logo chegar em casa e tomar um banho, o cheiro de grama ainda estava dominando meu corpo, minha roupa tinha um pouco de lama, não muito diferente de Justin, que ainda estava um pouco suado devido a nossa volta de bicicleta, ele pedalou e eu fiquei sentada na frente apenas curtindo o momento ao seu lado, observando o vento atravessar meu rosto sentido aquela sensação prazerosa.

Conversava animada com Justin sobre duas crianças que estavam brigando com sorvete um melando o outro, foi de fato uma cena engraçada a menininha reclamando de seu rosto todo sujo da substância pastosa e gelada. Abri a porta da portaria rindo, mas logo meu riso cessou vendo a pessoa que estava ali. 

- David? 


------------------------------------------------------------
Continua...

Gente, super reta final!! Amo vocês, beijos! Obrigada pelos comentários. 

@smilerdobiebs

To morrendo de sono por isso nao falo mais shuahsu bjsss

18 comentários:

  1. Faz 2temporada,2temporada,2temporada,2temoorada,2temporada!!!!pfvrrrr!!continuaaaaa

    ResponderExcluir
  2. Perfeitto, o que o davdo esta fazendo lá ? Continuua

    ResponderExcluir
  3. Cara This is perfect <3
    Sério muito foda cara :)
    O que será que o David foi fazer lá?
    Curiosa!!
    Eu iria adorar se tivesse uma segunda temporada *--*
    Mais continua logo!!!

    ResponderExcluir
  4. TEM QUE TER 2 TEMPORADA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. FICOU PERFEITO DEMAIIIIIIS CARA!
    ELES SÃO MUITO LINDO JUNTOS CARA!
    DAVID? O que ele ta fazendo ali?
    COMO ASSIM SUPER RETA FINAL? AAAAAH :(
    Continua, xoxo ♥.♥

    ResponderExcluir
  6. Leitora Nova, bitches rs' !
    Meu Deus, amei sua IB, simplesmente wonderful ♡.
    Você escreve maravilhosamente bem .
    Caraí, como pode uma coisa dessas ? Rs'
    E essa IB, é demais...
    Eu lia sua IBs no outro blog, só que você parou e eu não sabia mais :'(
    Enfim... continua amore !
    Muiitos Beijos linda ♥♥♥

    ResponderExcluir
  7. Esse capitulo foi tao fofo (soltando arco iris) djiskcisis david se viado!!!!! CONTINUA SUA VACA E N DEMORA EM <33 @ourdrewhero

    ResponderExcluir
  8. Oi, eu sou escritora e queria saber se há vagas para mim postar aqui.
    Posso te mandar algumas partes da minha fanfic, assim conversamos, diga-me no twitter @herebyjustemi, voce me passa teu e-mail e eu te passo minhas informações, desculpe o encomodo. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Respostas
    1. Selinho pra voce >> http://imaginnedirectionerandbelieber.blogspot.pt/2013/07/1-selinho.html

      Excluir
  10. Perfeito, continue! <3

    ResponderExcluir
  11. SOCORRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRO eu preciso da continuação pqp

    ResponderExcluir
  12. Ai que perfeitooooooo porra vc para nessa prte logo nessa pqp tipo david?o que se ta fazendo aqui nesse mimento continuaaaa logo se nao eu vou me comer julia

    ResponderExcluir
  13. Esta muito perfeito e ainda bem que os dois estão de boa um com o outro. Continua e tomara que não tenha pancadaria kkkk

    ResponderExcluir
  14. ameii *-* continua logo!
    amr segui meu blog por favor,sigo de volta! http://www.apenasimagineebelieberr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Que é isso?? ta perfeito haha continua, serio... vou precisar indicar teu blog pra ter bastante gente porque quero que você continua a fanfic, mas o pessoal nao comenta que é isso gente!? vamos comentar, vamos divulgar o blog! hahaha... CONTINUAAA PQ DA MTO BOA <3 beijos

    ResponderExcluir
  16. perfeitoooo ♥ amei *-* posta logo pf

    ResponderExcluir

COMENTEM! Isso incentiva o autor! Deem sugestões, críticas construtivas.... pode dizer que sou legal também! haha